O último Satsang do ano 2017

cropped-18193824_1959424380955633_8920102966326795577_n.jpg

(English version click here)

Era ventoso e chuvoso no último domingo. Havia nenhuma oportunidade para ser fora em natureza para meditação e conversação. Era uma experiência nova, estar junto na casa. Estávamos com dez participantes de qual dois novatos.

Como sempre a Susana Maridalho trouxe bolos deliciosos com mirtilo. Phine Verhoeff entrou com uma garrafa de Kombucha – grata amigas – e houve chá de gengibre e café. Essas manhas sempre passam rápido enquanto fazendo meditações longas e curtas e tendo conversações agradáveis.

O tema deste Satsang era:

O que podemos fazer para ficar cada vez com mas consciência?

Eu penso que adotando um hábito novo para substituir um velho, é um começo simples e bom. Se repetes o hábito na mente novo bastante tempo, se sentes a emoção ligada com o hábito no corpo e ages em conformidade, o hábito se tornará um automatismo e então virá natural. Outra coisa agradável é que se não usas o hábito velho ele diminuirá lentamente. A falta de atenção faz o truque.

Três exemplos simples

Criar novos pensamentos
Em acordar pela manhã, tu poderias substituir os teus primeiros pensamentos sobre ontem, hoje e amanhã para pensamentos de gratidão. Mesmo poderias escrever diariamente uma lista de coisas por quais estás grata.

Pessoas negativas
Quando notas uma pessoa negativa ao redor de ti, podes fazer três coisas:

a. Ir embora. Isso nem sempre é uma possibilidade.
b. Envie aquela pessoa. Nem sempre é possível.
c. Mudar os teus pensamentos sobre aquela pessoa. Isso sempre é uma opção.

Eu sei que a última opção perguntará algo de ti e mesmo pode levar tempo: investigar a tua opinião sobre aquela pessoa.

Só te perguntas – enquanto te amando ao máximo – quando estiveste uma pessoa negativa na tua vida. Sejas honesta e enfrente isto. A maioria das vezes, a situação dissolvera por si quando tu tiver a epifania.

Olhar e ver
E, há outro hábito que podes aprender. Um que levará entre 1 para 30 segundos. Bem, isso é tempo económico! Especialmente no mês de dezembro tens muitas oportunidades para praticar. Por exemplo enquanto expressando os teus desejos das boas festas.
Nos vivemos em tempos ocupados e parece que nós apenas temos um olho para um ao outro. Poderias começar olhar todo o mundo que encontras no olho. Tarda menos de um segundo. E, escuta-lhes. Quase sempre posa a pergunta: Tudo bem? Espera pela resposta. Assim o outro está sendo visto e ouvido e tu também. Isso é conexão. Naquele momento tu estás presente e consciente. No aqui e agora.

Conexão não está baseada em quanto tempo nós gastamos com alguém ou o que nós fazemos com eles, conexão sempre está baseada na qualidade de presença. (Katherine Schafler)

Grata a vocês tudo par ser presente nos Satsangs e para a sua inspiração. Nós olharemos um ao outro no olho pronto.

As aulas de yoga iniciaram na terça feira, dia 2 de janeiro 2018.

O próximo Satsang estará no domingo 14 de janeiro 2018 as 10:00 horas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.