New kid on the block

IMG_2814
Heidi Dyer a dar o workshop Chakra Balancing

[Nederlands]  [English]

A quantidade de participantes que vem ao meu estúdio de yoga está acima das expectativas. Quando cheguei aqui em Marvão em 2016, não tinha planos para um novo estúdio. No entanto, veio à existência, apesar da minha relutância. Na verdade, eu tive essa resistência contra a obrigação de dar aulas semanais novamente. Agora, dois anos depois, estou feliz em dar quatro aulas por semana e as oficinas necessárias entre elas.

Ainda sou grato a Leone Holzhaus por me pedir repetidamente para começar a ensinar novamente. Então eu pensei: uma aula por semana, ok, isso pode ser. Agora tenho um estúdio totalmente mobiliado e muitos participantes. A vida é cheia de surpresas.

O meu círculo de amigos está crescendo rápido e a boa notícia é que cerca de 85% dos participantes são portugueses. Eu realmente amo fazer o meu trabalho e continuo em boa forma.

O mercado é maior que quatro aulas por semana. Eu não farei mais do que faço agora. E então, de repente, Heidi Dyer apareceu no meu caminho. Fresco dos EUA e apenas se estabeleceu aqui. Heidi também é professora de yoga. Ela ensina Yin Yoga e Yoga Restaurativa. Além disso, ela foi treinada como massagista terapêutica. Heidi veio para minhas aulas no verão passado e ficou. Agora ela usa o meu estúdio às quartas-feiras e tem a possibilidade de construir a sua própria prática. Massagens à tarde de quarta-feira e aulas noturnas.

No quarto domingo do mês, Heidi organiza uma oficina com um assunto especial. No domingo passado – a primeira vez e a turma estava cheia com 10 participantes inclusive eu – treinamos por duas horas em profundidade o relaxamento (yoga restaurativa) e o equilíbrio dos chakras. Heidi já faz isso parcialmente em português. Mulher forte! Começar uma nova vida por conta própria num novo país! O workshop foi um grande sucesso. Quarta-feira à noite, ela repetirá o workshop para as pessoas que não se encaixaram no último domingo.

Que enriquecimento para o Yoga Studio Marvão. A região se beneficiará dessa crescente comunidade de pessoas bem-educadas e experientes.

A sinergia (1 + 1 = 3) pode ser sentida. Hoje de manhã, depois da aula de yoga, estávamos no bar do Ninho de Empresas de Marvão onde o estúdio está localizado, bebendo café ao sol com vários participantes e todos concordamos que estamos indo muito bem. Todos juntos. E essa é a única coisa que conta na vida. Acho eu.

Um novo Retiro

DSC00043 kopie

[English]  [Dutch]

Uma pergunta pessoal
Ainda me lembro bem, a primeira vez que a pergunta “o que estou fazendo aqui?” apareceu. Eu tinha cinco anos, morava na Sicília. O Etna retumbou e cuspiu fogo. Eu acabei de estar à beira da morte por tifo. Naquela noite, no terraço, senti e ouvi o estrondo do vulcão e vi os fogos de artifício. O céu estrelado estava lá como sempre. A minha mãe e a minha irmã mais velha também estavam lá e, no entanto, me senti como uma alienígena.

“O que estou fazendo aqui?” “O que é tudo isso?” Essas perguntas brincavam na minha cabeça e isso era o começo dum caminho longo cheio de solavancos, pedras, montanhas e vales. Muitas contusões, arranhões e feridas e o cenho franzido na testa se transformou numa ruga vertical permanente entre as minhas sobrancelhas.

Taoísmo e natureza
Estudar livros grossos, aprofundar-me nas filosofias ocidentais e orientais, ensinar ioga e meditação trouxe algumas respostas, mas pouco para ser mais sábio. Celebrando e vivendo a vida, mergulhando nas profundezas, assumindo riscos com o adágio: vamos ver onde isso vai trazer-me, isso sim deu resultado. E, no entanto, a busca por uma saúde ótima e longevidade continua.

Foi assim que acabei nas filosofias chinesas. Confucionismo e taoísmo. Os livros sozinhos nunca me levaram mais longe, mas a aplicação e prática na vida real da ciência que está nesses livros, isso sim. Yoga ainda é uma media importante para mim e agora eu também pratico Wudang (chinês) yoga e Tai Chi Chuan. Um mundo totalmente novo está se abrindo para mim. Eu gostaria de compartilhar esse mundo contigo, para que a tua vida diária também se torne mais leve.

É  por isso que organizo um novo Retiro de Wudang Taijiquan (de cinco dias). Juntamente com Eduardo Salvador e o mestre de Taiji Gongfu, Rene Goris de Amsterdão, quem nos treinará nesses dias.

Guesthouse Trainspot é o nosso alojamento durante o Retiro. Trainspot está localizado no restaurante / guesthouse antigo da estação abandonada Marvão-Beirã. As faixas são silenciosas e nos mostram um caminho. Marvão está localizado no meio do Parque Natural da Serra de São Mamede, na fronteira com a Espanha. Food & Beverage são fornecidos pela Trainspot e são adaptados ao programa e aos desejos dos participantes.

Retiro
A língua de ensino será o inglês, com tradução para o português. Os dias estão cheios de meditação, treinamento e passar tempo na natureza, palestras sobre as filosofias subjacentes, comer, descansar e também dormir. Há tempo para acupunctura e massagens. Tu também podes fazer todas as perguntas que estão na tua cabeça.

Se tu vens do exterior, há uma transferência do Aeroporto de Lisboa para Marvão. Para tornar a retiro o mais fácil possível para ti, o preço é all-inclusive. Só precisas comprar o teu próprio bilhete de avião. Assim podes concentrar-te 100% em ti mesmo. Cinco dias.

O site dos Retiros no Alentejo (https://info308760.wixsite.com/trainspottaijiquan) oferece a informação e a possibilidade de te registar.

Saúde não é algo que tens …

photo-1545183387-50fea397256e

[English]

Saúde não é algo que tens, é algo que fazes. Essa frase é de Rene Goris, o meu Mestre de Taijiquan. Mas essa frase também faz parte da minha vida. Ao estudar e treinar vários programas de saúde, como yoga e Taijiquan, busco a “imortalidade”. Eu estou sempre a trabalhar no desenvolvimento de mim mesmo.

Eu sei que parar aprender não é apenas um declínio, mas, em última análise, significa o morte. Parar é como não respirar … conheces as consequências.

Com o Yoga Studio Marvão, ofereço diferentes maneiras de obter consciência e saúde e de continuar aprender. Também convido no meu estúdio outros professores / especialistas para compartilhar os seus conhecimentos. Porque o Yoga Studio Marvão é para professores e alunos que querem continuar a aprender.

Heidi Dyer é uma professora de yoga que recentemente veio morar na nossa região. Ela é uma professora americana de Yin Yoga e Yoga Restaurativa que se apaixonou por Portugal e especialmente pela nossa região. Heidi também é coach de vida, professora de dança e terapeuta de massagem, especializada em tecidos profundos e relaxamento profundo.

Desde o dia 6 de fevereiro de 2019, entre as 14:00 e as 18:00 horas, Heidi terá a sua prática semanal de terapia na quarta-feira no Yoga Studio Marvão.

Tu podes marcar uma consulta entrando em contato diretamente com ela. Telefone: 917 909 631. Heidi está a estudar o português e por enquanto se serve também do inglês. Quando envias uma mensagem para ela em português, ela entende isso com certeza.

Ao lado da sua prática de terapia na tarde de quarta-feira, Heidi dará um workshop de duas horas nos últimos domingos do mês (início em 24 de fevereiro com um workshop de equilibrar as chakras).

Eu posso recomendar vivamente que marque uma consulta com ela ou/e participe no workshop!

Beijinho, Liesbeth