Tão bonita quanto a noite

josh-gordon--h8Od9ze-0o-unsplash copy
Photo by Josh Gordon on Unsplash

 

(English)  (Nederlands)

O fato de os holandeses serem diferentes de qualquer povo do sul da Europa é claro. Livros foram escritos sobre isso e muitas piadas foram feitas. A crise de Corona, que atingiu fortemente a Espanha e a Itália em particular, e a demanda por ajuda da Europa aumentou as opiniões sobre o comportamento do sul da Europa, como ocorreu em 2008.

Eu moro no sul da Europa em Portugal. O país onde o governo rapidamente entendeu a pandemia e depois agiu. Os resultados são correspondentes. O dano é bastante limitado.

Acho que não existem mais diferenças de caráter nacional em circunstâncias de escassez.
Porque onde há escassez, um outro botão entra em funcionamento. O botão de sobrevivência. Todas as diferenças aprendidas desaparecem e expõem a verdadeira natureza; tu es flexível, oportuno, es divisor ou repartidor? Tu es uma vítima ou saias das circunstâncias com flexibilidade porque ver oportunidades? Bem, o que tens de fazer?

Em Portugal, os camponeses continuam a cultivar no seu próprio ritmo. Eles sempre viveram da terra e em grande escassez. Então, nada mudou para eles. São principalmente empresários e moradores de cidades desempregados que enfrentam uma existência incerta. As pessoas que dependem dos outros para obter sua renda; as pessoas com grandes dívidas.

As circunstâncias determinam se a natureza do humano se torna visível ou não. Nem o sol, nem o céu cinzento, nem o inverno, nem o verão. Minha mãe foi capaz de contar histórias sobre pessoas com ela nos campos de concentração japoneses (na Segunda Guerra Mundial ene Indonesia) que não podiam mais se controlar e sobre as mulheres que, por meio de sua força e sabedoria internas, continuavam sendo quem sempre foram. Eles permaneceram no seu papel de vida. E assim é agora. Embora sejamos inundados com os dramas da média, a maioria dos europeus do sul vive as suas vidas como antes da crise. Talvez com muito menos ou com escassez, mas sempre em seu papel na vida.

Aqui, consciente ou inconscientemente, sabem que o único movimento em direção ao futuro é levar a vida como ela é hoje. Eles não inventam histórias no sentido de que não ampliam as suas preocupações e as projectam para amanhã. Porque o que é amanhã é sempre desconhecido. Então, o que faço, penso ou escrevo agora cria o meu futuro. Ter pensamentos desagradáveis ​​e emoções associadas determina o amanhã. Quanto vale para mim prestar atenção no que penso e digo?

No sul da Europa e no norte da África, existe o seguinte ditado:

Tão bonita quanto a noite.

Quando leio essa frase, sinto algo completamente diferente do que quando leio a expressão holandesa: tão feia quanto a noite.

Apenas uma palavra.

Uma palavra que mostra o verdadeiro caráter nacional e apenas cria um mundo feliz.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.