Home

IMG_8623 kopie.jpgO meu segredo

(for English click here)

A época em que nós vivemos é uma época extraordinária. Mas, provavelmente todas as gerações disseram isso no seu tempo. Os Persas, os Gregos, os Romanos, os Egípcios, os Otomanos, os Indianos, os Europeus, só para dar uns exemplos. Quando tens um pouco de conhecimento da história mundial, sabes que cada fim duma civilização, anuncia um novo início.

E eu acho que vivemos num processo de transformação assim. Estamos à beira duma transição para uma coisa nova. Vê ao redor de ti, lê as noticias e fica quieto com estas palavras.

A sociedade
A economia – quer queiras quer não – chegou num momento de viragem. É verdade que fazem de tudo para que a economia fica vivendo e crescendo, mais o que achas, acabou não é? Na caça ao dinheiro a Terra está sobrecarregada, o armamento foi tirado do armário e correntes de refugiados foram postas em movimento e desestabilizam todas as, assim chamadas, seguranças duma vida protegida e cuidada.

Tu e eu
Nós estamos sob o domínio da economia com a sua busca do lucro e o desejo de crescer para sempre. A maquina de marketing está em funcionamento a toda a velocidade ajudada por o mind-control de (social) media. Para (sobre)viver de acordo com as normas estabelecidas nós devemos e queremos mais e mais e mais. O medo de não poder ter o que outros têm ou perder o que temos, é o motivo mais importante. Assim tu e eu ficam drogados por a matéria e isso faz-nos cegos para o que a vida verdadeiramente significa. Lê esta frase uma vez mais e fica quieto com estas palavras. Quanto stress é causado por isso? Quem tem a culpa? Podes fazer algo sobre isso?

O destino
O que eu observo em meu redor é o desejo de descanso na cabeça. As minhas amigas, os meus amigos, alunos de yoga e conhecidos estão – com pouco exceções – incomodados com este desassossego.

A maioria está convencida que a circunstância na qual vivem é o destino que aceitam em sofrimento. Cuidado: com a aceitação em sofrimento começa a desgraça. Sabes porquê? Não é da natureza humana sofrer ou ser vítima. A natureza humana é ser livre e viver em harmonia consigo própria. Acredita em mim!

Big Brother
Os teus pensamentos querem fazer-te acreditar que tens de ter medo e tens de sofrer. Contudo é estranho que tenhamos estes pensamentos como verdades sem sequer fazer uma pergunta. Como se os teus pensamentos fossem o Big Brother que determina tudo por ti. Assim como os líderes do mundo parecem determinar tudo para nós.

Boa notícia
É uma ilusão pensares que não tens nada a dizer. Digo-te. Tens tudo a dizer. Só ainda não sabes como te tornares dono de ti. É lógico. Nunca aprendeste e nunca é demasiado tarde para aprenderes. Mas tens de fazer alguma coisa por isso. Na verdade eu acho é o único dever que temos.

Eu devo
A visão que me inspirou e ajudou é a seguinte:
Obrigo-me (com toda a minha força de vontade) a analisar cada pensamento que me faz sofrer. Isto é, sofrer no sentido lato. Geralmente este tipo de pensamento são julgamentos sobre outros ou coisas fora de ti. Uma análise à origem dum pensamento assim, aproxima-te cada vez mais de ti. Isso é o segredo.

O segredo
Quanto melhor te conheceres, mais fácil a vida se torna. Toda a angústia e a estagnação implícita desaparecem.
Tudo vai fluir. Com esta mudança em ti, as circunstâncias mudam também. É tão simples assim.

Corpo, mente e alma
Quando queres tirar proveito de yoga, é bom que saibas primeiro que o teu corpo não é uma estrutura fixa. O teu corpo é um processo vivo. Sempre em movimento. Cada átomo, cada célula. Pensa nisso. Sente o teu corpo e experimenta o processo. A condição do teu corpo pode mudar, para bem ou para mal. O que tu queiras. Tudo o que tu pensas é sentido pelo teu corpo. O cérebro orquestra 24 horas por dia o teu corpo. O que pensas, crês e desejas, forma uma nova ligação no teu cérebro e estas ligações têm influência sobre o teu corpo. A par disto o corpo é vivido por uma alma. Mesmo assim. Tu alimentas corpo e alma com o conteúdo dos teus pensamentos e crenças.

Compreendes agora porque eu acho importante que te tornos dono dos teus pensamentos?

Hatha yoga
Há muitas maneiras de aprender e assim chegar ao autoconhecimento para ultrapassar a porta na direção à fonte da vida. Hatha yoga é o primeiro passo. Põe-te em contato com o teu corpo. 100%. Para mim é uma fórmula confirmada para chegar a esta porta e continuar o caminho.

Yoga é para mim não uma questão do corpo perfeito, do traje de desporto perfeito com a garrafinha de água perfeita. Não, eu pratico yoga por três razões.

  1. Uso a minha força de vontade para criar a disciplina para praticar regularmente. Acho que temos a força de vontade para fazer o bem.
  2. O meu corpo fica flexível e saudável e aprendo a conhecê-lo. Ouço cada sinal. O meu corpo diz-me quem sou, o que penso e o que faço.
  3. Através do silêncio e introspeção durante os exercícios, aprendo a dominar a minha mente, o meu corpo e experimentar as emoções, e vê-las pelo que são. Assim alimento corpo e mente e alma com os pensamentos justos.

Espero sinceramente poder encaminhar-te um pouco com as aulas. A maior parte do trabalho terás de fazê-lo tu como na realidade para construíres uma vida boa.

És bem-vindo com as tuas perguntas e para trocar ideias e treinar. Alegro-me com a tua presença.

Beijinho, Liesbeth

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.